Loading...
Organização Orgânica – O22018-10-15T09:10:27+00:00

O que é Organização Orgânica (O2)?

O O2 é um catalisador que ajuda organizações a se tornarem mais adaptativas, auto-organizadas e focadas no propósito. O O2 é composto por um conjunto de regras essenciais e mais uma biblioteca de padrões em constante evolução.

Papéis

O trabalho é feito em torno de papéis claros, com responsabilidades e autoridades explícitas. Muito mais prático e eficaz do que descrições de cargos.

Círculos Aninhados

Círculos

Papéis são organizados em diferentes círculos que perseguem caminhos definidos (propósito). Os círculos têm autonomia para se auto-organizar, desde que atendam as suas responsabilidades.

Modos

Para o círculo se auto-organizar, os participantes se encontram regularmente para executar um ou vários dos 5 modos de reunião do O2.

Os 5 modos do O2: Revisar, Sincronizar, Adaptar, Selecionar e Cuidar

1 Revisar

Muitos times não se reúnem para revisar o próprio trabalho. O modo revisar garante que isso aconteça regularmente.

2 Sincronizar

O modo sincronizar ensina o grupo a resolver tensões e se auto-organizar de forma efetiva.

3 Adaptar

A estrutura organizacional – papéis e responsabilidades de um grupo – precisa se adaptar ao ambiente. E o ambiente muda o tempo todo. É por isso que o modo adaptar é essencial. Nele os participantes atualizam os papéis, círculos e restrições.

4 Selecionar

Todo o processo precisa de um campeão para mantê-lo. Na Organização Orgânica, rotacionamos os papéis essenciais de Facilitador, Secretário e Elo Interno de cada círculo através do modo selecionar.

5 Cuidar

No final das contas, são pessoas que fazem o trabalho. Por isso precisamos cuidar das relações, desenvolver empatia e abertura. Este é o propósito do modo cuidar, um espaço onde os participantes suspendem os seus papéis e interagem como indivíduos.

O O2 é open-source

O O2 está disponível no GitHub e você pode contribuir enviando pull-requests. Existe uma comunidade no Slack da Target Teal de org-designers, facilitadores e entusiastas contribuindo para a criação de novos padrões e aprimorando método. Entenda como funciona.

Como aprender e vivenciar O2

Fundamentos em Auto-organização

Para você entrar em contato com alguns conceitos que servem de base para as novas formas de organização que abandonam o comando e controle e abraçam a autogestão. 

Formato: EAD
Duração: 2h
Pré-requisitos: Nenhum

Inscreva-se Gratuitamente

Intensivo de O2 (antigo GD²)

Para você aprender na prática como a tecnologia social O2 pode ajudar a catalisar a auto-organização e autogestão em um time ou empresa. Recheado de simulações e exercícios práticos.

Formato: Workshop intensivo e presencial
Duração: 16h (dois dias seguidos)
Pré-requisitos: Fundamentos em Auto-organização ou equivalente

Saiba Mais

Programa de Desenvolvimento de Facilitadores

Para você desenvolver sua capacidade para atuar como agente de mudança nos processos de transição e adoção de práticas e padrões para a auto-organização e autogestão.

Formato: Encontros presenciais, interações a distância e práticas em organizações
Duração: 94h distribuídas ao longo de 16 semanas
Pré-requisitos: Intensivo de O2 ou conhecimento equivalente

Saiba Mais

Comparativo Sociocracia 3.0, Holacracia e Organização Orgânica

Sociocracia 3.0 (2015)

Um guia prático para organizações ágeis, resilientes e em evolução.

Regras e elementos: 74 padrões, 7 princípios e 5 conceitos básicos, guia S3 contém 14.193 palavras

Funciona em: Coletivos, comunidades, famílias e organizações.

Organização e pessoas: Não difere o espaço organizacional do tribal

Facilitador: O facilitador está a serviço do grupo.

Reuniões: Propõe vários tipos e formatos em especial Reunião de Coordenação e de Governança. Na reunião de governança diferentes tipos de decisões são tomadas.

Componentes dos papéis: Nome, Driver; Responsabilidades, Habilidades; Experiência, Qualidades; Mandato; Carga horária; Recursos; Critérios de avaliação; Frequência de avaliação.

Analogia: Uma linguagem de padrões.

O que promove a evolução: Driver

O que orienta o trabalho: Driver

Alocação: Todos os papéis são ou podem ser eleitos.

Como as decisões são tomadas: Processo integrativo (consentimento) para mudar a Governança e propor estratégias de atuação.

Definição de Objeção: Uma razão pela qual fazer algo atrapalha uma resposta mais efetiva para um driver organizacional. “A reason why doing something stands in the way of (more) effective response to an organizational driver (i.e. an organizational requirement).”

Quem pode ensinar: Qualquer um.

Holacracia (2007)

Um sistema completo para a auto-organização.

Regras e elementos: Uma constituição com 9.848 palavras

Funciona em: Organizações com contornos e propriedade definidos.

Organização e pessoas: Foca apenas no espaço organizacional.

Facilitador: O facilitador está a serviço do processo.

Reuniões: Exige dois tipos de reuniões. A Tática e a de Governança com processos definidos em detalhes. Na Governança são aprovadas apenas propostas de mudanças estruturais e são feitas eleições de pessoas para os papéis essenciais.

Componentes dos papéisNome, Propósito, Domínio e Responsabilidades.

Analogia: Um novo sistema operacional para organizações.   

O que promove a evolução: Tensão

O que orienta o trabalho: Propósito

Alocação: Papéis principais são eleitos, demais são alocados pelo Elo Principal, mas isso pode ser alterado.

Como as decisões são tomadas: Processo integrativo (consentimento) para mudar a Governança. Demais decisões são individuais por default.

Definição de Objeção: Uma razão pela qual a proposta causa dano e move o círculo para trás.

Quem pode ensinar: Apenas consultores certificados, pagando comissões para a HolacracyOne.

Organização Orgânica (2017)

Um catalisador para a autogestão.

Regras e elementos: Meta-acordos com 2.929 palavras + uma biblioteca online de padrões.

Funciona em: Organizações com contornos e propriedade definidos.

Organização e pessoas: Reconhece e propõe diferentes estratégias para lidar com o espaço organizacional e com o tribal.

Facilitador: O facilitador está a serviço do processo.

Reuniões: Exige uma reunião de círculo apenas, porém com 5 diferentes modos – Revisar, Sincronizar, Adaptar, Selecionar e Cuidar – que são acionados pelo facilitador.

Componentes dos papéis: Nome, Propósito, Artefatos e Responsabilidades.

Analogia: Os elementos básicos (building blocks) que permitem que organismos vivos (organizações) evoluam em busca de seu propósito.

O que promove a evolução: Tensão.

O que orienta o trabalho: Propósito.

AlocaçãoPapéis essenciais são eleitos, demais são alocados pelo Elo Externo, mas isso pode ser alterado.

Como as decisões são tomadasTomada de decisão integrativa (consentimento) para mudar a Estrutura Organizacional. Demais decisões são individuais por default.

Definição de Objeção: Uma razão pela qual a proposta causa mal e move o círculo para trás.

Quem pode ensinar: Qualquer um.

Guia Prático da S3
Constituição Holacracia
Meta-Acordos do O2

Quer levar O2 para a sua empresa? Vamos tomar um café 😉

Nome (*):
Sobrenome:
E-mail (*):
Telefone:
Nome da sua organização:
Site da sua organização:
Escolha o que melhor descreve você:
Como você soube da Target Teal?

Como a Target Teal pode te ajudar?